Publicado por: alexandra | janeiro 21, 2008

O cemitério de Tekkeköy

Enterros excepcionais na terra das Amazonas

Arqueólogos turcos escavaram – nos primeiros 40 anos do século XX – um proeminente cemitério em Tekkeköy, um pouco a leste de Dündartepe, na tradicional terra das Amazonas Temisceras. Esse cemitério, que data de Era do Metal (terceiro milênico A.E.C.), continha 17 corpos – 13 adultos e um grupo separado de 4 crianças. Diferente de outros cemitérios pré-históricos turcos, quatro desses esqueletos estavam estendidos em suas costas, uma posição anormal para o período, já que os outros estavam contraídos ou flexionados, de costas ou de lado. Todos os cadáveres foram enterrados em terra plana. Os esqueletos manifestam que eram pessoas altas, com membros longos de corrida. Muito enigmático também é o fato de que o tórax desses mortos foram removidos. Sugeriu-se que tivessem sido mutilados. Isso entraria em conformidade com os relatos de escritores antigos sobre as Amazonas mutilarem seu seio direito para melhor manejar o arco e flecha. Mas a descoberta permitiu ver que um ritual de retirada de tórax era praticado, o que provavelmente foi mal-interpretado e mal-compreendido por historiadores antigos, o que levantou o mito de que elas mutilavam seus seios. Na tumba também foram encontradas cerâmicas, armas e joalheira. Eles descobriram adagas, pontas de flechas, brincos, braceletes, agulhas e machados feito de cervídeos. A cerâmica era de alta qualidade. Tudo isso bate com a imagem das históricas Amazonas.

(Fonte: Amazon Research, traduzido por mim.)


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: