Publicado por: alexandra | junho 13, 2015

Segurando uma Espada

A maioria das fotos e imagens por aí de mulheres com espadas não apresentam a forma apropriada de segurá-las. A ideia de perigo em um lâmina afiada é, para muitos, algo sexy, e por isso muitos artistas e fotógrafos realizam composições de mulheres com espadas. Mulheres lindas e fortes com armas mortais. Legal, né? Não, porque a maioria não o faz com segurança e muito menos com correção. E representar mulheres como penduradores de lâminas é mais degradante do que serem apenas símbolos sexuais. Em vez de ameaças, elas se tornam ameaçadas, já que seguram as armas de forma perigosa para elas. É como se dissessem: “Oh, na verdade eu não sei fazer isso, sou tão pateta, você pode segurar esse troço pra mim?”

Veja essas imagens com os tipos de erros frequentes (clique nos links, abrirão em uma nova janela):

E por aí vai. Tem outras que mostram as mulheres usando as espadas como se fossem muletas ou bengalas. Mas já chega, né?

E as fotos dos homens? Normalmente estão apontando a espada para fora, na direção do inimigo, em vez de esfregando-a no corpo. Eles posam mais tipo “vou usar esta espada para ferrar outra coisa e não a mim mesmo”. Não é como esta garota que expõe o corpo enquanto as espadas ficam para trás, como se tivesse é que salvar as espadas em vez de si, deixando a guarda aberta: (clique para ver).

Lógico que artisticamente é bem interessante o contraste das curvas femininas com a retidão da lâmina, é algo válido e super legal, mas os artistas poderiam criar algo de forma que glorificasse e dignificasse as mulheres, e não o contrário.

Por que retratar as mulheres como estúpidas e inaptas? Elas não parecem perigosas, só sensuais. Isso te dá medo? Seria apavorante uma mulher lutadora competente? Seria mais seguro infantilizá-las? É preguiça de fazer a coisa certa ou é para imaginar que a espada é só um símbolo fálico substituindo outra coisa? Isso é sexismo.

E o problema não está na atriz ou modelo, mas no coreógrafo das lutas. No filme ‘The Walking Dead’, tem um momento em que a personagem está segurando errado a katana – primeiro porque a lâmina deveria estar protegendo sua cabeça, em vez de esticada para o nada, segundo porque sua mão esquerda deveria estar ancorada no final do cabo/punho da espada: (clique para ver o errado) e outro em que ela se posiciona melhor: (clique para ver o mais certo).

Esta cena da atriz Alex Kingston no filme ‘Boudica’ é um bom exemplo do certo – a espada está para fora, a guerreira está numa pose defensiva e ainda assim pronta para atacar:

E sabe quem dirigia as lutas desse filme? Uma mulher, a mestra em espadas Roberta Brown. Yes! Olhem outras duas fotos da Alex como Boudica:
    .

Agora vamos para mais BONS exemplos de guerreiras com armas…

Arya:

Xena:

E várias asiáticas (clique nos nomes para ver as cenas):

Fica o pedido aos artistas e fotógrafos que nos lêem, que repensem suas composições para não perpetuar o sexismo vigente e para auxiliar no empoderamento da mulher.

(Fontes: 1- Why I hate most photos and drawings of women with swords; 2 – Depictions of sword women that are mostly awesome; 3 – It’s a sword. Hold it like one.)


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: